O ensino das doutrinas bíblicas fundamentais sempre foi um elemento de fundamental importância para a igreja, para cumprir a missão que ela recebeu diretamente do Senhor Jesus, ao ordenar que se fizessem discípulos de todas as nações, e ensiná-los “a guardar todas as coisas que eu tenho ordenado a vocês.

” (Mt 28.

20 NAA).

Goheen (2014, p.

171) destaca que o relato de Lucas nos informa que a comunidade cristã primitiva se dedicou a quatro práticas que funcionariam como canais pelos quais a vida do Espírito seria nutrida nela, e a primeira delas é ocupar-se diligentemente com o ensino dos apóstolos, transmitido a todos os cristãos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEO ensino bíblico é essencial para capacitar a igreja para a realização de suas atividades missionais.

Lopes (2010, p.

140) assevera que a educação cristã tem a tarefa formativa que a igreja realiza com seus membros, para habilitá-los a participar da vida e dos compromissos de sua comunidade, pois ela “deve objetivar influenciar a sociedade na busca pela finalidade última da educação, que é Deus”.

Zabatiero (2009, p.

55) valoriza o ensino da Palavra na igreja, como meio de educação dos crentes, quando afirma que se deve trabalhar para que “se torne presente a função educacional do culto, para que seu caráter pedagógico seja valorizado”.

Se não se fizer isto, ele questiona: “como pode haver uma educação transformadora na igreja?”.

O estudo constante, sério e disciplinado da Bíblia é fundamental para o crescimento espiritual da igreja.

Para que a igreja cristã possa manter um testemunho ativo nesta geração, e para que os cristãos possam crescer e tornar-se cristãos maduros e eficientes, é da maior importância que os pastores e mestres providenciem para o povo o verdadeiro ensino fundamentado na Bíblia e que dela se origina.

Aliado ao uso do púlpito para transmissão do ensino bíblico que é essencial para a igreja, o uso da internet pode expandir este universo de pessoas alcançadas pelo mesmo ensino que é ministrado na igreja, para levar os benefícios da exposição da Palavra a muitas outras pessoas, em lugares distantes, ou mesmo pessoas que, embora pertençam à mesma comunidade, estejam, por qualquer motivo, impossibilitadas de ir ao culto no templo da igreja local (mais ainda neste tempo de isolamento social necessário).

Para justificar-se o esforço adicional de transmitir a palavra ministrada nos cultos por meio da internet, e considerando-se que há muitas pessoas que não viriam à igreja, mas acessam continuamente as redes sociais, parte-se do pressuposto de que é preciso trabalhar nos meios de comunicação com mais efetividade.

Se há possibilidade de usar os recursos midiáticos e a realidade da utilização em massa destes meios, pela população em geral, e pelos cristãos em particular, obriga a essa situação, deve-se falar de Jesus utilizando as tecnologias que estão à disposição para evangelizar a todos.

Paes (2003), ao relacionar princípios que são, em sua avaliação, indispensáveis para um crescimento saudável e equilibrado da igreja, lista entre eles: igrejas que tiram grande proveito da mídia, e afirma que por meio da mídia o evangelho tem chegado a lugares em que um pregador não chegaria por vias tradicionais, dado o seu poder de penetração.

A Igreja cresce através das redes de relacionamentos naturais (família, colegas de trabalho, amizades, etc.

).

Tudo aquilo que não cresce vai se degenerando.

Isso vale para as pessoas, as comunidades e também para a missão da igreja.

Evangelho é vida e é parte da sua essência crescer e propagar a nossa fé.

Por isso, a importância da propagação da Palavra de Deus no mundo atual, utilizando-se, inclusive, os meios de comunicação.

O objetivo deste artigo, primeiramente, é estabelecer a importância do ensino bíblico na igreja, baseado, principalmente, no fato concreto de que as Escrituras são um meio da graça de Deus para os homens, que visa a sua salvação, edificação, santificação e despertamento espiritual.

Em seguida, pretende-se analisar o uso da internet, pela igreja, e como este meio da graça, a Palavra de Deus, ministrada no culto, pode ser propagado através da mídia, visando ampliar o seu alcance a outras pessoas.

Anterior1 of 6Próxima*clique em próxima para continuar lendo…