Suspensão da nova eleição está condicionada à votação da decisão desta terça em plenário do TSE.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aceitou pedido da defesa do prefeito afastado de São Francisco do Sul, Renato Gama Lobo (PSD), e determinou de forma liminar (temporária) que ele e o vice, Walmor Berreta Júnior (PSD), retornem aos cargos.

A decisão é desta terça-feira (18).

A suspensão da nova eleição no município, marcada para abril, fica condicionada à votação desta limitar em plenário do TSE. Lobo e Berretta Junior foram condenados pela Justiça Eleitoral à perda dos cargos por pedirem votos por meio de ofertas de vantagens e ameaça velada de perda de emprego. Veja mais notícias do estado no G1 SC