Algumas visitas online oferecem uma visão em 360º das atrações.

Nos museus, também é possível acessar fotos, cartas de demais arquivos.

Já pensou em visitar a Muralha da China sem ter que enfrentar as filas enormes, ou visitar o Museu do Louvre sem ter que disputar espaço com centenas de turistas para ver a Mona Lisa, quadro de Leonardo Da Vinci? Isso é possível durante a quarentena imposta pelo coronavírus, já que muitos museus, galerias e pontos turísticos, que estão fechados ao público, disponibilizaram visitas virtuais.

Em alguns tours, é possível conhecer o local com uma visão de 360º. Para fazer o tour online, basta entrar no site oficial de cada atração.

Veja abaixo algumas opções de visitas! Capela Sistina, Vaticano Tour virtual pela Capela Sistina, no Vaticano, pode ser feito durante o isolamento social. Reprodução/redes sociais Um dos símbolos do Vaticano, a Capela Sistina é famosa pelo o seu teto, coberto por pinturas do pintor Michelangelo, feitas nos anos de 1500.

Na visita virtual disponível no site da capela, é possível fazer um tour em 360º. Museu de Van Gogh, Amsterdam Museu de Van Gogh permite que público visite o local por meio de vídeos em alta definição. Reprodução/redes sociais O famoso Museu dedicado ao pintor Van Gogh, na Holanda, disponibilizou oito vídeos em alta definição que passeiam pelas diversas salas do local.

É possível ver de perto os famosos quadros do pintor, como o seu alto retrato. Muralha da China Empresa de turismo chinesa oferece uma visita virtual em 360º na Muralha da China.

Reprodução/Redes sociais No site de uma empresa de turismo local, The China Guide, é possível caminhar virtualmente por alguns trechos da Muralha da China.

Como era de se esperar, não dá para conhecer os quase 5 mil km de extensão da Muralha, mas é possível ter uma visão em 360º de alguns pontos, como a entrada do local.

Parque Nacional de Yosemite, Califórnia O site do Parque Nacional de Yosemite, na Califórnia, permite que o público visite a atração por meio de um tour virtual. Reprodução/redes sociais O Parque Nacional de Yosemite é um dos parques mais visitados nos Estados Unidos.

Por meio de seu site, é possível visitar o local com uma visão em 360º, assim como ouvir o som dos passarinhos e das cachoeiras da atração. Casa de Anne Frank, Amsterdam Casa de Anne Frank, ha Holanda, pode ser visitada virtualmente durante a quarentena contra o coronavírus. Reprodução/redes sociais Fechado até 1 de junho, o local em que a família judia de Anne Frank se escondeu dos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial também pode ser visitado por meio do tour online. Museu do Louvre, Paris Projeto exibe obras que estão no Museu do Louvre de Paris Atré Comunicação Personalizada / Divulgação O famoso e gigantesco Museu do Louvre, em Paris, França, oferece diferentes tours online pelas galerias e salas da atração.

Um deles leva o público ao quadro de Mona Lisa, de Leonardo Da Vinci. Atrações brasileiras Diversos pontos turísticos no Brasil estão oferecendo visitas virtuais.

Entre os museus, o público pode conhecer o museu a céu aberto de Inhotim, em Brumadinho, Minas Gerais.

Em São Paulo, a Pinacoteca e o Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand, MASP, também oferecem visitas virtuais pelo seu acervo. Visita virtual na Pinacoteca de SP