Pesquisa da Secretaria Nacional de Aviação Civil é referente a outubro, novembro e dezembro de 2019.

Terminais foram os melhores nas respectivas categorias.

Resultado da pesquisa de satisfação dos passageiros foi apresentada no Aeroporto de Florianópolis na tarde desta quinta-feira (6) Jean Laurindo/NSC Os aeroportos de Florianópolis, Campinas (SP) e Brasília foram considerados os melhores do país em suas categorias na Pesquisa de Satisfação do Passageiro, divulgada na tarde desta quinta-feira (6) pela Secretaria Nacional de Aviação Civil.

O resultado é referente ao período entre outubro e dezembro de 2019.

As categorias levam em conta o número de passageiros recebidos por ano. De acordo com a pesquisa, os 20 maiores aeroportos do país tiveram uma aprovação de 94% por parte dos passageiros.

A pesquisa foi divulgada em evento no Aeroporto Internacional Hercílio Luz, em Florianópolis. Notas Florianópolis foi considerado o melhor aeroporto com até 5 milhões de passageiros por ano.

Viracopos ficou no topo da lista entre os terminais que recebem entre 5 e 15 milhões de usuários anuais.

O terminal de Brasília ficou em primeiro lugar entre os que têm mais de 15 milhões de passageiros por ano.

Os três receberam as seguintes notas: Aeroporto Internacional Hercílio Luz (Florianópolis) - 4,78 Aeroporto Internacional de Viracopos (Campinas) - 4,80 Aeroporto Internacional Presidente Juscelino Kubitschek (Brasília) - 4,50 Na comparação com o quarto trimestre de 2018, a satisfação geral aumentou de 4,39 para 4,49.

As notas vão de 1 a 5, sendo 5 melhor possível.

O índice de 4,49 foi o maior da história da pesquisa, que começou em 2013. Entre os quesitos pesquisados, o que obteve maior nota nos aeroportos foi a cordialidade e prestatividade dos funcionários do check-in, com 4,72.

O que teve a pior avaliação foi o custo-benefício dos produtos de lanchonetes e restaurantes, com nota 3. Os 20 aeroportos pesquisados correspondem a 87% do total de passageiros transportados no país.

Foram feitas 24.948 entrevistas com viajantes domésticos e internacionais. Veja mais notícias do estado no G1 SC